Grande pátria desimportante.

21 08 2010

É meu caros, é tempo de eleição.

Agora chovem carros de som, palanques, papeizinhos distribuídos em qualquer canto, bandeirolas pelas ruas, placas e outdoors construindo a poluição dessa época.

Mais o que mais aparecem nesse período são perguntas. Muitas perguntas.

Primeiro. QUEM SABE PRA QUEM VAI VOTAR PRA DEPUTADO ESTADUAL? Gente. Quem? É quase uma questão existencial. Porque além de já não acreditarmos em partido algum, ainda temos que aturar anônimos ou famosos (BIZARROS) tentando esse posto justamente por quase nunca lembrarmos quem ou o que faz esse ditacujo.

Segunda. Porque cargasd’água essas celebridades cismam em se candidatar? Ok, eu sei. Dinheiro fácil sem trabalhar. Eu sei. Mas GENTE! Mulher fruta, jogador de futebol e cantor de ex-banda adolescente de sucesso É DEMAIS! Porque simplesmente não vivem de mostrar sua bunda, receber dinheiro de programa de auditório trash e/ou tentar um bico na CNT por aí? Mas nãããão! Insistem em perturbar nosso tão pouco juízo com suas asquerosas candidaturas.

Mais uma. Dizem que o Greenpeace e WWF se importam com a natureza. Então dá pra dar uma aparecidinha no CAOS que tá o Rio De Janeiro, e provavelmente em todas as outras cidades do Brasil? É papel no chão (claro. essa gentalha que não sabe pra que serve uma lixeira também merece cair em desgraça), carros de som estourando nossos tímpanos com insuportáveis ruídos músicas ,que por motivos mais insuportáveis ainda não desgrudam de nosso cérebro, placas e “bandeiras” impedindo não só enxergar o que ta na sua frente como também de desviar do FDP que só pra te sacanear o dia vai de dar um encontrão e fazer  com que você quase caia no meio de um mundo de gente.

Agora a pergunta mais sacana e cretina: o que, nós, povo, desejamos pro futuro do país? “O Brasil pode mais” ou “para o Brasil seguir mudando”? Ai, ó pai, daí-nos força. Ou melhor, opção. Se depende disso, ô Brasilsinho, meu filho, tu tá mal.

É pobres brazucas, cá estamos nós num período importantíssimo, mas com tão pouca crença. Nossas vidas são definidas por nós mesmos, mas muitas vezes votamos por diversão, por ser famoso e/ou por promessas falsas. Ah meu Brasil, até quando viveremos nesse mar de impunidade, desespero e miséria? Essa foi a última pergunta.

ps.: Para rir um pouco, aqui vão os candidatos mais bizonhos dessa nossa magnifica eleição 2010

http://www.ospaparazzi.com.br/especiais/candidatos-famosos-querem-o-seu-voto-nas-eleicoes-2010-da-pra-leva-los-a-serio-2389.html

Anúncios